RESOLUÇÕES DE ANO NOVO PARA VISIONÁRIOS DE ALIMENTOS EM 2020

Postado em 30/12/2019 por Cristina Leonhardt
Compartilhe

Você já se deu conta de que entramos em uma nova década em apenas dois dias? Pois é, a virada de ano de 2019 para 2020 carrega todo um simbolismo que não pode ser desprezado. Cada período de 10 anos carregar consigo a possibilidade de um ciclo se completar: eu lhe convido a refletir em que ciclo você esteve até aqui e que novo ciclo deseja começar.
E o que melhor a fazer nesta época? Resoluções de Ano Novo!
2019 foi um ano desafiador para muita gente, inclusive para mim: nasceu minha filha mais nova, entraram novos professores na Tacta, nosso negócio cresceu e foi testado continuamente. Eu me ausentei para viver a maternidade e depois incluí a maternidade em tudo o que fazia (Alice e Sara estiveram em palestras, cursos, reuniões, workshops, Startup Weekend, FISA, o que você imaginar). Entendi que o meu papel vai além da inovação de alimentos, ele engloba o empreendedorismo, a maternidade, o feminismo e a crença firme na mudança pelo exemplo.
Como foi o seu 2019? Que balanço você faz da sua participação nos acontecimentos do ano?
A lista de resoluções de Ano Novo para visionários de alimentos é um pouco para você e um pouco para mim: no final das contas, estamos passando juntos por este pedaço de tempo no Planeta Terra.

 

EM 2020, VAMOS USAR INGREDIENTES E ADITIVOS COM CONSCIÊNCIA…

… porque ainda vejo muita gente usando sem conhecer bem suas funcionalidades, aplicações, legislação. Porque ainda vejo muita gente inserindo em formulações cegamente o que o fornecedor indica, sem fazer seus próprios testes.
Em 2020, vamos mudar isso: conheceremos os ingredientes e aditivos a fundo, faremos nossos próprios testes, usaremos os melhores ingredientes e aditivos para a nossa aplicação (e não os mais baratos).
(Acho que ajuda saber que a Tacta está trabalhando a todo vapor para começar o ano com um serviço novo que vai lhe fazer o Mestre dos Magos dos ingredientes e aditivos!)
 

EM 2020, VAMOS FALAR INGLÊS…

… porque a língua da ciência, tecnologia e empreendedorismo de alimentos é o inglês. A falta de domínio do inglês limita os nossos sonhos: ficamos orbitando em feiras, congressos, mercados e investidores apenas brasileiros, quando há um mundo lá fora esperando pelo Brasil.
Em 2020, vamos mudar isso: falaremos o inglês que for e nos exporemos com toda a nossa maravilindade para todo o Planeta Terra. Abriremos nossos horizontes e ampliaremos nossas possibilidades. Buscaremos vagas, clientes, fornecedores e mercado fora do Brasil e cresceremos além das nossas próprias expectativas.
 

EM 2020, VAMOS CONHECER O NOSSO USUÁRIO…

… porque ainda vejo muita empresa lançar produto e depois ficar rezando para que ele venda. Ou, se for daquelas cheias de grana, ficar jogando dinheiros sem fim no Marketing para empurrar produtos goela abaixo do consumidor.
Em 2020, vamos mudar isso: usaremos técnicas de Design Thinking e Food UX para criar e entregar produtos maravigold que o consumidor deseja e nem sabe que deseja. Conheceremos a fundo os seus anseios, valores e critérios. Atenderemos a todos eles de verdade, não fazendo de conta.
 

EM 2020, VAMOS PARAR DE PEDIR PERMISSÃO PARA CRESCER…

… porque a vida é nossa, a carreira é nossa e somente nós podemos saber onde queremos chegar. Delegar decisões de carreira e emprego para empresa, marido, mulher, pai, mão, periquito, papagaio é colocar na mão de outra pessoa a nossa própria felicidade (sem falar que é o principal caminho para o arrependimento).
Em 2020, vamos mudar isso: traçaremos nossas metas pessoais, de família e de carreira e montaremos um bom plano para atingi-las. Não importa se for meta para 1 ano ou 1 década: nos esforçaremos para criar um futuro que seja uma extensão do nosso eu e cresceremos.
 

EM 2020, VAMOS OCUPAR OS ESPAÇOS…

… porque mulheres, mães, membros da comunidade LGBT, negros, indígenas, pessoas com necessidades especiais já cansaram de ser marginalizados e deixados para trás. Porque diversidade importa e muito para inovação. Porque esse deixar para trás também acontece em P&D de alimentos (olhe ao seu redor).
Em 2020, vamos mudar isso. Ocuparemos os espaços, levaremos as crianças à feira, exigiremos a nossa promoção, ganharemos aumento, nos candidataremos a vagas mesmo que não preenchamos todos os requisitos impossíveis que privilegiam a manutenção do status quo. Ergueremos a nossa voz, publicaremos todos os dias no Linkedin, ganharemos adeptos, clientes e parceiros e mostraremos ao mundo o que ele tem perdido sem a nossa participação.
(Me mostra o que você está fazendo já: pode me adicionar.)
 

EM 2020, VAMOS PERDER O MEDO DE INOVAR…

… porque eu ainda vejo dono e dona de empresa se contorcer de medo quando começamos a falar de inovação de alimentos (sério, real, isso aconteceu na minha frente mais de uma vez). Porque se a Alta Direção tem medo, a empresa inteira tem medo. Porque, com medo, ninguém inova. Porque com medo, só sabemos dizer não para o desafio.
Em 2020, vamos mudar isso: aumentaremos o desafio dos nossos testes, seremos mais ousados, começaremos a nos acostumar enfim com o frio na barriga que a inovação carrega. Seremos mais confiantes da nossa capacidade técnica e de negócio em fazer acontecer e, principalmente, confiaremos no poder da execução como mãe de toda a inovação. Tem que colocar para executar.
 

EM 2020, VAMOS ENGAJAR NOSSA EQUIPE…

… porque, em pleno 2019, eu ainda vejo gente bloqueando acesso do computador corporativo a certos sites, com o intuito de “aumentar a produtividade e evitar distrações no trabalho”, como se cafezinho e conversa de corredor pudessem ser bloqueadas. Como se todo mundo já não tivesse um celular na mão com internet.
Em 2020, vamos mudar isso: entenderemos cada uma das pessoas da nossa equipe, faremos com que elas se sintam parte deste processo e faremos com que o engajamento com as nossas causas traga a produtividade esperada. Seremos os líderes humanos que somos, acreditaremos mais na energia e na entrega do que no tempo que a pessoa passa na frente do computador.
 

EM 2020, VAMOS SER MAIS TRANSPARENTES…

… porque eu ainda vejo profissionais com medo de mostrar a cozinha (ou a planta-piloto) para quem é de fora. Porque não faz sentido ser outra coisa a não ser transparente em alimentos. Porque já tem empresa – como a Languiru – dando exemplo para quem é muito maior.
Em 2020, vamos mudar isso: perderemos o medo de nos mostrar. Atuaremos firmemente na criação de processos de comunicação com o nosso consumidor. Seremos a voz que luta por mais transparência e ética nos negócios e nos alimentos que desenvolvemos.
(E usaremos os caminhos que eu trago no ebook para fazer isso acontecer.)
 

EM 2020, VAMOS SER MAIS SUSTENTÁVEIS…

… porque a produção de alimentos consome cerca de 70% da água potável do mundo, ocupa 40% da terra e contribui com cerca de 30% das emissões dos gases do efeito estufa. Porque tudo isso começa com a forma com que planejamos novos produtos. Porque P&D não pode se escapar da discussão sobre Sustentabilidade em um mundo que está se esgotando de recursos.
Em 2020, vamos mudar isso: entenderemos o impacto dos nossos produtos no Planeta. Planejaremos nossos processos para minimizar o consumo de recursos. Atuaremos firmemente para redução de descartes e upcycling de resíduos. Traremos a área de Sustentabilidade para o início do processo de desenvolvimento de produto, e não a relegaremos mais apenas ao final da produção de alimentos.
 
Enquanto estivermos vivos sobre este Planeta Terra, temos a oportunidade de mudança. É claro que ela não precisa acontecer no dia 1° de janeiro – o ano novo é apenas um convite, uma lembrança, um símbolo de que a mudança pode acontecer.
Na verdade, enquanto estivermos vivos sobre este Planeta Terra, temos a responsabilidade da mudança. Todos os 7,7 bilhões de habitantes, mas principalmente nós – visionários de alimentos – que detemos tanto poder de mudança nas nossas mãos, em cada decisão que tomamos a respeito dos alimentos e serviços que desenvolvemos.
Esta é a nossa lista de Resoluções de Ano Novos, visionários de alimentos.
Um Feliz 2020 para todos nós. Que venha a próxima década!
 



Não tem como falar de começar o ano sem lembrar aos visionários que dia 31/12 se encerra o segundo lote para o Horizonte 20 Food em São Paulo. Vem me dar um abraço, abrir a cabeça para novas realidade em alimentos e fazer muito networking – são esperados cerca de 300 visionários e guardiões de alimentos nos dias 30 e 31/01 em São Paulo.
As inscrições para Recife já estão abertas e você ainda pode aproveitar o primeiro lote até dia 12/01 clicando aqui.

Compartilhe esse artigo. Vamos revolucionar o mercado de alimentos!

Juntos podemos causar um grande impacto através de pequenas ações: compartilhe e espalhe a mensagem.

Receba a planilha exclusiva e gratuita para Gestão de Projetos de P&D!

E mais: participe da comunidade privada de +4000 visionários de alimentos que recebe dicas e insights exclusivos.

Sem spam. Só inovação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba a planilha exclusiva e gratuita para Gestão de Projetos de P&D!