• Milhares de Projetos de P&D ao mesmo tempo?
    Receba a nossa ferramenta exclusiva e gratuita para Gestão de Múltiplos Projetos de P&D!

    E mais: participe da comunidade privada de +2500 visionários de alimentos que recebe dicas e insights exclusivos. Sem spam. Só inovação.

A LISTA DEFINITIVA: 233 TENDÊNCIAS EM ALIMENTOS EM 2019

Chegou aquela época do ano tão esperada pelos visionários – a nossa tradicional macrolista de tendências em alimentos em 2019. Em 2017 foram 129 tendências, 2018 emplacaram 160 tendências e em 2019 são, nada mais, nada menos, do que 233!

Em 2018, eu tive a oportunidade de visita a Summer Fancy Food, um dos locais que mais “emite” tendências para alimentos no mundo – afinal, do mundo dos alimentos especiais saem diversos novos conceitos que em breve não serão tão especiais assim. A feira é tão relevante no cenário americano que o autor David Sax, no excelente livro Tastemakers, dedica boa parte do livro a explicar como são gerados relatórios de tendências oficiais da Specialty Food Association, que saem após a feira.

Pois bem: nem todos os relatórios de tendência são criados da mesma forma. Enquanto alguns são extremamente baseados em dados e análises de lançamentos e movimentos de consumo, outros são… digamos… quase que um chute. Não passam de uma percepção – mais ou menos bem fundamentada – de uma pessoa ou grupo.

Muitos, inclusive, são gerados em benefício próprio: pense nas previsões que as empresas de ingredientes geram (sabor do ano da Firmenich, sabores da McCormirck), que por fim acabam gerando a própria tendência. Se eu digo que figo é o sabor do ano em 2018, será que isso influencia empresas a se aventurarem a lançar produtos com sabor figo, gerando uma profusão tão grande que a profecia se realiza?

Leia com atenção e com muito cuidado os relatórios de tendências apresentados abaixo – e pesquise sobre suas fontes e metodologias. Outra importante ressalva a ser feita é que aqui são listadas as tendências públicas – que geralmente são um resumo mais simples do que é entregue para clientes pagantes de empresas como Mintel, Euromonitor, Trendwatching e Innova Market.

Portanto, ojo. 👀

tendências alimentos 2019

Dadas as ressalvas, vamos à lista de 233 tendências em alimentos em 2019.

 

CONSULTORIAS

Dos nossos amigos da MINTEL, bem uma lista bastante concisa, baseada em comportamento do consumidor

1) Consumo sempre-vivo
2) Através das idades
3) Conveniência elevada

Eu sou superfã da TRENDWATCHING, que este ano cita, como tendências gerais de consumo de todas as categorias

4) Marcas legislativas
5) Ratos de Laboratório (tipo, nós)
6) Soluções open source
7) Recursos super-humanos
8) Fantasia IRL (do inglês, in real life)

A INNOVA MARKET INSIGHTS lista suas tendências em ordem decrescente de importância

9) Descoberta: o consumidor aventureiro (eu)
10) O Reino das plantas
11) Alternativas para todos
12) Apelo verde
13) Snacking: a ocasião definitiva
14) Comendo para mim
15) Um olhar fresco para fibras
16) Eu me sinto bem
17) Pensamento de jogador pequeno
18) Conectado ao prato
s

Focada no setor de hospitalidade, a AF&CO traz uma lista de tendências para alimentos e bebidas em 2019 que vale a pena conferir. Este será o ano de

ALIMENTOS

19) Encontre o futuro: carne de cultivada em laboratório e vegana
20) Café da manhã globalmente inspirado
21) Da-semente-para-a-mesa
22) Húmus entre nós (aqui no Brasil se escreve também homus)
23) Mágica do cogumelo
24) A nova churrascaria americana: onde está a carne bovina?
25) Não desperdice, não queira
26) O mutante clima de alimentos
27) Carboidratos à solta
28) Exóticas e robóticas: novas saladas para um novo ano

BEBIDAS

29) Drinks com alta avaliação
30) Tempo para um chá
31) Transformando limões em limonadas
32) Um pouco de clareza

CONCEITOS E NEGÓCIOS

33) Expresse-se
34) Um sabor do Japão
35) Revolução robótica nos restaurantes
36) Brinque com a sua comida (adoro e já falamos a respeito em um webinar!)
37) Loja única para comer &

A consultora de food design MARIELLE BORDEWIJK não escapou do espírito da época e fez a sua lista de tendências de alimentos para 2019:

38) Energia masculina das plantas
39) A nova embalagem
40) Coloque cogumelo! (a Bon Appetit discorda)
41) Trocas de alimentos
42) Acelerando a inovação (e a gente te mostra como)

 

EMPRESAS DE INGREDIENTES

Infelizmente a MCCORMICK, até a publicação deste artigo, ainda não havia publicado a sua famosa lista de sabores.

Entrando na roda, a GNT diz que as cores do ano serão:

43) Amarelo
44) Laranja

Mais uma empresa de aromas, a COMAX nos diz que os sabores para prestar atenção em 2019 são:

45) Beba para a sua saúde
46) Comidas com menos carne
47) Passagem para Índia
48) Intensificação na Cultura

 

IMPRENSA

Através de um painel com CEOs e empreendedores de alimentos, a FOOD NAVIGATOR USA divulga quais são as expectativas de tendências emergentes destes gurus para o mercado em 2019:

49) Snacks frescos
50) Comida fresca!
51) Carne limpa (de laboratório – mas aí tem que sair do laboratório + ganhar aceitação do público. Dominar a tecnologia não significa gerar demanda.)
52) CBD (canabidiol), adaptógenos, snacks infantis
53) Agricultura celular
54) Bom para você e o planeta
55) “Pescado” vegetarianos
56) Introdução de alergênicos
57) Alimento como remédio
58) Keto
59) Proteínas vegetais
60) Proteínas portáteis
61) Adaptógenos
62) Nutrição personalizada
63) Agricultura regenerativa
64) Gorduras saudáveis
65) Todas as coisas baseadas em plantas
66) Insetos comestíveis
67) Rastreabilidade
68) Local

O site DELISH, que mapeia o cenário da culinária e experiências gastronômicas nos EUA, nos brinda com a sua versão da lista de tendências de 2019:

69) Sobremesas de tahini são as novas sobremesas de manteiga de amendoim
70) Fast Food vai aparecer na sua entrada
71) CDB está aqui para fazer tudo melhor
72) IPAs Milkshake estão trazendo todos os garotos (e garotas) para o pátio
73) Veganismo não é mais a piada
74) Repolho vira uma nova página
75) Quem saberia: vinho de laranja é algo
76) Celebridades estão investindo nos seus planos de jantar
77) Você pode bebericar o seu caminho para o sonho
78) Café da manhã é a refeição mais importante (e saudável) do dia
79) Açúcar adicionado = inimigo público número 1
80) Mezcal está fumaceando outras bebidas alcoólicas
81) Za’atar irá apimentar a sua vida
82) A hora do lanche experimentará uma mudança marítima
83) Hortifruti feios enfrentam uma bela realidade
84) Vegetais tomam um papel central
85) Nós estamos vidrados (ao invés de plastificados)
86) Tomou seu leite de amêndoas?
87) Gordura é legal

Inovando na categoria de lista de tendência, a BON APPÉTTIT traz um delicioso e divertido horóscopo de alimentos, com previsões para cada signo (e alguns dos melhores gráficos da internet no caso):

88) Leites superalternativos
89) Qualquer coisa fermentada
90) Sabores de flores
91) Picolés e indulgências geladas mais saudáveis (por favor, indústria brasileira, ESCUTE)
92) Consumo de folhas
93) Se tornando pegano
94) Carnes falsas hipernovas
95) Algas
96) Alimentos preenchidas com colágeno
97) Listas de ingredientes reduzidas (olha o clean label)
98) Jaca (eeee Brasil)
99) Prebióticos

Nossos parabéns à revista que soube fazer graça para esta nem-tão-exata-ciência como já falamos acima.

 

Misturando tendências de comida e de restaurantes, a FINE DINE LOVERS cita:

100) Proteína de ervilha
101) Novas formas de trabalho
102) Restaurantes apenas de entrega
103) Blockchain
104) Defumação sutil
105) Manteigas estão de volta
106) Vegetais
107) Cannabis (e o Brasil ainda discutindo se casa ou compra uma bicicleta)
108) Cozinhar como uma causa (eu concordo e assino embaixo)
109) Insetos
110) Miso
111) Da-semente-até-o-alimento (tradução extremamente livre, quem tiver termo melhor em português, help me)
112) Não-alcoólico

Mais concisa em 2019, os editores chefes da NATIONS’ RESTAURANT NEWS apostam em apenas 6 tendências em alimentos:

113) Sobremesas ganharão uma mudança melhor-para-você
114) Cold brew (algo como passado a frio) verá reações adversas (uma não-tendência)
115) Leite de amêndoas será a alternativa láctea mais quente
116) Lagers terão novamente amor
117) Nós temos a beterraba: o tubérculo estará por todo o lado
118) Vegetais do mar ganharão apoio nos EUA

A tradicional pesquisa da Associação nacional de restaurantes dos EUA, publicada na RESTAURANT, conta com a visão de 650 chefs membros da Federação Americana de Culinária:

119) Café da manhã globalmente inspirado
120) Novos cortes de carnes
121) Salsichas e hambúrguer baseados em carnes
122) Carnes e pescado locais
123) Substitutos carboidratos de vegetais (em relação aos amidos tradicionais)

A visual lista de tendências em alimentos da SUPERMARKET NEWS traz:

124) Um novo verde irado
125) Sobremesas melhores-para-você
126) Leite de amêndoas
127) Aversão ao cold brew
128) Lager
129) Carne sem mãe de cultivada em laboratório
130) Alimentos funcionais aceleram o bem-estar
131) Alimentação baseada na saúde
132) Sabores regionais
133) Trazendo o frescor para o shelf-stable

No Brasil, a PEQUENAS EMPRESAS, GRANDES NEGÓCIOS fala sobre 6 tendências para o setor de food service (post aparentemente patrocinado pelo Makro)

134) Opções cada vez mais saudáveis
135) Resgate de técnicas artesanais (como a fermentação natural!)
136) Cardápios enxutos, pratos customizados e opções para dividir
137) Maior diversidade de bebidas frias
138) Aplicativos e totens para autoatendimento
139) Delivery e ‘grab & go’

Será que o PINTEREST continua sendo uma boa fonte de tendências em alimentos (quão boa é a sua leitura de dados de 250 milhões de usuários?)

140) Leite de amêndoas
141) As pessoas irão buscar jantares embrulhados em alumínio para as suas noites de semana ocupadas
142) Geleia feita em casa favorecerá as mesas de café da manhã por todo o mundo (uma superoportunidade para empresas de ingredientes atingirem diretamente o consumidor, principalmente com pectina)
143) Cogumelos serão lançados de papeis coadjuvantes para principais em pratos e lanches
144) Fazer pão se tornará uma obsessão da cozinha, trazendo pessoas que sempre haviam evitado tendências de alimentos até então
145) As pessoas irão revitalizar os seus padrões alimentares se tornando pegano (paleo + vegano)

 

INDÚSTRIA DE ALIMENTOS

A UNILEVER FOOD SOLUTIONS da Austrália soltou a sua lista:

146) Vegetais como heróis, porções menores de proteína
147) Fermentação e conservas
148) Pratos culturais
149) Espetinhos e molhos também
150) Sobremesas culturais

Ainda não saiu a lista da CAMPBELL, mas você pode usar o link para conferir mais tarde.

A empresa de snacks KIND nos brinda com a sua primeira lista de tendências para snacks saudáveis (será que há alguma que não se relaciona com os produtos da marca?):

A empresa cita as suas fontes:
• P&D interno
• + 4500 nutricionistas da sua rede
• Membros da empresa lotados em outros países
• O fundador e CEO Daniel Lubetzky (confirmando as minhas próprias predições de que toda a empresa tem um guru interno para chamar de seu)

151) Manteigas de sementes
152) Loucura pela cannabis
153) Sem mais food-porn
154) Sabores africanos
155) Confie nos seus intestinos (saúde)
156) “Anti-açúcar” para “anti-açúcar-adicionado”
157) H2-Ua0
158) Sem carne não apenas nas segundas
159) Comida primeiro, vitaminas depois
160) Transparência 2.0 (a gente acredita!)

A gigante das carnes processas TYSON tem o que dizer a respeito de tendências em alimentos em 2019:

161) Bem-estar pró-ativo: alimentos personalizados para a saúde e beleza
162) Mistério resolvido: alimentos transparentes tomam posse
163) Proteína vão à loucura
164) Alimentos que pensam… e falam…
165) Marcas de alimentos são pessoas, também: alimento como uma forma de auto-expressão
166) Culinária em busca de emoção global

No Brasil, a empresa de embalagens SCUADRA traz uma lista focada em food service:

167) Comer fora
168) Comida de verdade
169) Alimentos crus
170) Cafés especiais
171) Lanches e sobremesas saudáveis
172) Coquetéis da estação
173) Grab and go
174) Bowls
175) Delivery

 

DELIVERY

Se você tiver acesso às localizações das pessoas e ao que elas mais pedem no delivery, como o UBER EATS, logo logo consegue fazer as suas listas de tendência. Enquanto isso, fique com a deles:

176) Comida clean, entregue
177) Alimentos fermentados
178) Tomou leite?

SUPERMERCADOS

A WHOLE FOODS, que apareceu na nossa cobertura NY Food no Stories do Instagram (está nos destaques!) traz a sua lista de tendências para alimentos em 2019:

179) Sabores da Costa do Pacífico
180) Probióticos shelf-stable
181) Gorduras na moda
182) Maconha do próximo nível
183) Snacks de carne falsa
184) Embalagem eco-consciente
185) Deleites congelados pioneiros
186) Petiscos marinhos, além das algas
187) Momento do lanche, melhorado
188) Compras que empoderam

Do outro lado do Atlântico, saiu o relatório de alimentos e bebidas 2018-2019 da WAITROSE:

189) A guerra aos plásticos
190) O dia de Nova York
191) A nova revolução vegetariana
192) Evitando a ressaca de comida
E, como apostas foodie para 2019
193) Saúde personalizada
194) A próxima grande concha (de sorvete)
195) Comida da África Ocidental
196) Vamos nos tornar amargos
197) Mocktails (que já vimos no post sobre produtos inovadores da Fancy Food)

A maior cadeia varejista dos EUA em faturamento, KROGER, reuniu seus desenvolvedores de produtos, chefs e inovadores para contribuir com a sua visão da lista de tendências 2019.

198) Sabores regionais
199) Alimentos baseados em plantas
200) Estilos de alimentação
201) Alimentos para intestinos saudáveis
202) Baixo em açúcar e adoçantes naturais

 

ASSOCIAÇÕES

A SPECIALTY FOOD ASSOCIATION, que organizada a Summer e Winter Fancy Food, reúne um painel com 10 profissionais da indústria de alimentos especiais para identificar o que consideram as principais tendências do mercado:

203) Comida baseada em plantas
204) Mudança de palato regional
205) Produtos de Cannabis em todas as categorias
206) Embalagens sustentáveis e eco-amigáveis
207) Mandioca (eee Brasil!)
208) Bebidas funcionais fermentadas
209) Beleza comestível
210) Renascença do sorvete

Obviamente centrado no mercado vegano, o PETA lista como as principais tendências de alimentos em 2019:

211) Leite de amêndoas
212) Tahini em sobremesas
213) Proteína verde (de ervilha)
214) Fast Food veganos vão se tornam a tendência dominante
215) Livre de peixe e fabuloso
216) Há algo na água
217) Menus com gordura saudável e carboidratos conscientes
218) Probióticos e outras opções para saúde dos intestinos
219) Lanches com cogumelos sem carne
220) Folhados
221) Automação

 

VISIONÁRIOS DE ALIMENTOS

Semana passada, rolou uma pesquisa com os visionários de alimentos no Stories do Instagram. As apostas para 2019 foram:

222) Low carb
223) Alimentos saudáveis
224) Alimentos veganos, snacks plant-based, meatless
225) Clean label
226)Aerossóis
227) Bebidas com jambu
228) Proteínas vegetais
229) Orgânicos
230)Bebidas sem açúcar
231) Cerveja artesanal (será que ainda tem fôlego?)
232) Probióticos em tudo

Para finalizar, o sabor do ano, segundo a FIRMENICH é…

tendências alimentos 2019

HIBISCUS


(Como pontuado por uma fonte que prefere ficar anônima, o sabor do ano da Firmenich tem casado com a cor do ano da Pantone.

2014: cor do ano foi orquídea radiante e o sabor do ano foi amora preta (match)

2015: cor do ano foi marsala e o sabor do ano foi mel

2016: cor do ano foi quartzo rosa e serenidade e o sabor do ano foi coco

2017: cor do ano foi greenery e o sabor do ano foi pepino fresco (match)

2018: cor do ano foi ultravioleta e o sabor do ano foi figo (match)

tendências alimentos 2019

2019: cor do ano é coral e a empresa apresentou o hibiscus como se fosse coral – mas o comestível é vermelho intenso!) (match forçado pelo marketing)

No artigo deste ano, inclusive a Firmenich confirma a tendência de se associar à Pantone. Ou seja, como dizia o grande filósofo Chacrinha, neste mundo nada se cria, tudo se copia.

😎)


TENDÊNCIAS QUE PRECISAM IR EMBORA

 

A Bon Appetit fez uma lista DELICIOSA de tendências de 2018 que eles esperam que deem bon voyage em 2019:

1) Bebidas de cogumelos
2) Recalls de alface romana
3) Pratos para compartilhar realmente pequenos
4) Mentiras
5) Pessoas com dieta keto de meio período
6) Patês, embutidos vegetais ou outras imitações de carnes
7) Latte com canabidiol, especificamente
8) “Você tem algum vinho de laranja?” (que no Brasil tem mais de um significado 🤣 )
9) Invasão das vieiras
10) Copos de água pequenos pequenos
11) A mesma fonte sem serifa nos menus
12) Húmus doce
13) Chips de coco não são chips de batata
14) Adicionar uma nova cerveja ruim ao menu


Obviamente copiando inspirada nas nossas macrolistas de tendências em alimentos, a Eater também fez a sua.

Humpf! 😤

Lembro aos visionários o alerta que já fiz na lista de 2018: tendências são geradas por movimentos da sociedade, e a sociedade para quem a sua empresa vende seus produtos não necessariamente está contemplada nesta lista (até pelo viés bastante externo deste recorte).

Mais espertos são o visionário e a visionária de alimentos que contextualizam as tendências globais na sua realidade e aprendem a ler o seu próprio mercado, bem próximo dele, tipo quase namorando. Coisas que a gente ensina nos curso de Design Thinking em Alimentos e Food UX da Tacta ;).


tendências alimentos 2019, horizonte 19 food

O que 2019 reserva para o mercado de alimentos?

Abrindo as portas de 2019 e descortinando os cenários futuros e palpáveis para este ano, pensadores de diferentes áreas de alimentos trazem a sua resposta a esta pergunta. Um evento para tratar de inovação, P&D, marketing, legislação, qualidade, empreendedorismo e experiências de consumo e preparar você para os desafios do ano.

Venha discutir conosco os caminhos possíveis para o mercado de alimentos neste ano que se inicia.

Nós acreditamos que Inovação, Qualidade e Regulatórios precisam andar juntas. Inovação deve ter responsabilidade e atendimento à legislação. Qualidade deve acompanhar os movimentos das novas tecnologias e mudanças do cenário de consumo.

Horizonte 19 Food: um olhar abrangente e multifocal sobre o mercado de alimentos em 2019.

Vamos observar e construir juntos este Horizonte 19 Food!

O evento acontece em São Paulo nos dias 31/01 e 01/02/19 e em Curitiba nos dias 21 e 22/02/19.

tendências alimentos 2019, horizonte 19 food

Sobre Cristina Leonhardt

Eu quero que você alcance todo o potencial de inovação que existe dentro da sua empresa de alimentos. Se conseguirmos criar um produto diferenciado, não teremos mais consumidores. Teremos uma legião de fãs. Quer me conhecer melhor - pode me adicionar no Linkedin: www.linkedin.com/in/cristina-leonhardt/
Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Milhares de Projetos de P&D ao mesmo tempo?
    Receba a nossa ferramenta exclusiva e gratuita para Gestão de Múltiplos Projetos de P&D!

    E mais: participe da comunidade privada de +2500 visionários de alimentos que recebe dicas e insights exclusivos. Sem spam. Só inovação.